quinta-feira, 1 de julho de 2010

passado x presente


Sempre que retorno à casa de meus pais, debruço-me sobre as fotografias, cadernos, cartas. Em um desses momentos, resolvi voltar ao passado através da releitura de cartas que eu guardo das pessoas que participaram da minha história direta ou indiretamente. Então, encontrei um texto escrito em 6/05/2004 por alguém que dividiu muitos momentos ao meu lado. Não sei o porquê de ter ficado com esse texto, nem tampouco posso explicar o motivo pelo qual o guardei por tanto tempo. Decidi transcrevê-lo aqui somente para comparar as fases da vida, visto que o autor desse texto está numa situação totalmente oposta ao que foi descrito há anos. Isso nos mostra que TUDO MUDA, basta fazer as escolhas certas e ser confiante em dias melhores.

"Minha vida tá um inferno... peço ajuda a Deus todos os dias para poder continuar...não sei se posso confiar em todo mundo, nem mesmo sei se confio em mim...tenho medo de tudo, das pessoas do mundo, dos meus pais, dos meus amigos, da vida, da morte, de mim. Às vezes acho que dar um fim em mim seria o melhor para todos talvez. Será só o começo ou até mesmo o final. Mas final de quê? De um garoto ambicioso e sonhador, que sempre quis o melhor para si e não mediria esforços para conseguir o que quer? Talvez o fim de mais uma pessoa com uma história de vida mal sucedida... Sempre me amei, mas ultimamente amargo dolorosas dúvidas sobre esse sentimento. Não sei o que aconteceu, o que mudou...mas acho melhor anestesiar meus problemas, enfim, dar fim a mim mesmo...quem eu amo, só são aqueles que eu disse, nunca menti sobre isso, quem eu gosto sabe...não faço questão de esconder amo todos vocês que me suportaram, que criticaram e riram de mim, que me aceitaram como eu sou...até as pessoas que conheci a pouco tempo...vocês tiveram muita importância pra mim, vivi alegre até então por vocês...não chorem...vai ser o melhor para todos. Valeu por tudo!"


Esse texto está enterrado num passado tão longínquo e de certa forma tão esqucido que não há mais signifcado nele. Ainda bem, espero que as pessoas nunca desistam de viver, pois nunca sabemos o que o futuro nos reserva. Certamente, se agirmos conscientes de nossos atos seremos mais felizes que somos agora, ou que sejamos felizes como nunca fomos antes...afinal a vida é dom de Deus, mesmo em épocas difíceis ou quase insuportáveis. Mas, tenha certeza: tudo muda, passado e presente são duas pistas de mão dupla e que às vezes se cruzam, mas nunca na mesma estrada!

2 comentários:

  1. lembrando o passado
    muito bom seu texto

    ResponderExcluir
  2. lembrando o passado, vivendo o presente, pensando no futuro...^^

    ResponderExcluir